Como lidar com um dependente químico em tratamento

por Tauama de Moraes
CRP 11 - 07100

Quando nos deparamos com algum amigo ou familiar que acaba sendo atraído pela dependência química, ficamos bastante preocupados. E quando esta pessoa começa a procurar auxílio, muitas dúvidas surgem e não sabemos ao certo como ajuda-los da maneira correta.

Lidar com um dependente químico em tratamento não é algo simples. É preciso que todos aqueles que estão em seu entorno também se tratem para que o sucesso seja alcançado ao final da batalha.

Os adictos na maioria das vezes recebem muito julgamento e pouco apoio. Palavras associadas a desvio de caráter, falta de fé ou fraqueza são desferidas impiedosamente contra os mesmos, contudo, é preciso saber que eles estão passando por uma doença como qualquer outra e que apesar de não ter cura, existe tratamento.

Por isso, é fundamental que nesta fase, você saiba como lidar de maneira correta. Pensando nisso, separamos algumas dicas úteis e bem fáceis de serem seguidas que vão te auxiliar muito neste momento, para que você saiba como lidar com dependente químico em tratamento a fim de que se torne parte da recuperação ao invés de trazer ainda mais angústias e dúvidas ao seu ente querido.

Cinco dicas para lidar corretamente com um dependente químico em tratamento

O apoio familiar e dos amigos faz parte do processo de reabilitação de quem amamos, afinal de contas é comum que os mesmos não os inicie ou após iniciado tendam a abandona-lo. Por isso a sua ajuda de maneira correta fará toda a diferença durante o tratamento.  Veja abaixo cinco dicas que te ajudarão bastante:

Esteja sempre por perto

O tratamento de dependência química não é um momento fácil. Por isso mostre com palavras e atitudes ao seu ente querido que você lhe ama e que estará sempre por perto, apoiando nesta difícil decisão.

Seja bastante compreensivo

Procure entender o que se passa na cabeça de um adicto em tratamento. Compreenda que ele está vivendo um momento bastante conflitante. Para um dependente químico, o uso de entorpecentes se torna algo tão grande que não há como ele se recuperar sozinho. Diga que compreende que ele sofre, que sente insegurança e que por isso você não o julga.

Tente fazer com que a pessoa se divirta com as coisas simples

Atitudes simples como um jantar com amigos ou um cinema no domingo à tarde é algo grandioso para quem passa pelo tratamento e consequentemente pelo olhar inquisidor da sociedade. Mostre para ele que há formas de viver a vida de uma maneira muito mais plena, junto aos amigos e às pessoas que se ama. Tente levar a pessoa a lugares bonitos, calmos e tranquilos e evite tudo que o faça relembrar o vício. Este é um dos segredos de como lidar com dependente químico em recuperação.

Seja paciente

A reabilitação é algo lento, demorado e muda muito de pessoa para pessoa. Compreenda que o dependente sofre de algo que é maior que ele, e que a força de vontade precisa ser reforçada a cada dia.

Deste modo, seja paciente se a pessoa sofrer uma recaída, caso sinta medo ou até mesmo se ela tentar desistir. Jamais deixe que a pessoa se entregue à depressão e caia novamente no mundo das drogas.

Demonstre interesse pelo que o adicto sente

Ouça-o bastante, contudo, não force a pessoa a falar, mas demonstre que está sempre por perto para ouvir o que ele sente.

A melhor forma de saber como lidar com dependente químico em recuperação é colocar-se no lugar dele. Manter-se sempre como um amigo pronto a ajudar e dar ainda mais amor e apoio do que nunca.

Lidando com a resistência

Quando o adicto procura ajuda especializada através de uma internação voluntária, o processo de reabilitação torna-se menos árduo.

Contudo, muitas vezes, no ápice do tratamento, o dependente químico surta e não consegue prosseguir. O mundo pode desabar sobre as suas costas e aquela sensação de desanimo e entrega também pode te contaminar, entretanto, NÃO PODEMOS DESISTIR DE QUEM AMAMOS.

Com a ajuda de profissionais especialistas é possível fazer com que o adicto entenda o motivo do seu tratamento, vencendo as barreiras da resistência e criando um vínculo de confiança com tudo que for associado ao seu processo de reabilitação.

Não esmoreça, a resistência é bastante comum, mas com ajuda de profissionais bem preparados é possível conseguir vence-la e obter a continuidade do tratamento.

Procurando ajuda

Para ajudar é necessário primeiramente procurar ajuda, e por mais boa vontade e paciência que você tenha, sabemos que tratar um dependente químico é algo complicado para quem é leigo no assunto.

Por conta disso, procurar uma boa clínica de reabilitação pode salvar a vida do seu ente querido e consequentemente a sua. As mesmas tratam-se de um ambiente preparado tanto no sentido estrutural, como em corpo clinico, para acolher um dependente químico, oferecer orientação aos familiares e disponibilizar um tratamento individualizado possibilitando que o mesmo possa voltar a viver com mais saúde e longe das drogas.

As clínicas especializadas em dependência química geralmente apresentam um renomado serviço de tratamento, seguindo as mais modernas práticas médicas e terapêuticas destinadas a esse público, através de uma equipe multidisciplinar altamente capacitada.

Também é a clínica de reabilitação que ajuda as famílias na dificuldade de vivenciar situações tão devastadoras, e, paralelamente, alertá-los sobre a importância da busca de mecanismos de ajuda adequados.

Um quadro de profissionais especializados, equipes multidisciplinares, grupos de apoio que os orientem e possa prepará-los para conviver adequadamente com esta doença fará toda a diferença.

Nós da CASA DESPERTAR sabemos que lidar com um dependente químico em tratamento é uma tarefa árdua, porém, os nossos anos de experiência e os nossos profissionais qualificados vêm recuperando adictos e salvando famílias há muito tempo. Estamos de braços abertos para te orientar nesse momento tão difícil.

Gostou do conteúdo de hoje? Que tal compartilha-lo e ajudar pessoas que estejam com dúvidas. Não esqueça que nas nossas redes sociais você sempre encontra conteúdos e dicas interativas: facebook.com/soudespertar e @soudespertar.

Compartilhe esse post

Relacionados

Deixe seu cometário

Uma resposta para “Como lidar com um dependente químico em tratamento”

  1. Avatar fatima cavalcanti disse:

    Sou despertar como vcs. confio no trabalho de vcs….confio meu filho aos cuidados de vcs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Avatar fatima cavalcanti disse:

    Sou despertar como vcs. confio no trabalho de vcs….confio meu filho aos cuidados de vcs.

  • Comece agora a mudança na sua vida

    entre em contato com nossa equipe
    WhatsApp chat