Drogas: seus efeitos imediatos e tempo de permanência no organismo

por Tauama de Moraes
CRP 11 - 07100

Você já pensou sobre que efeitos as drogas trazem ou quanto tempo seu corpo demora para eliminar a substância ou até quando podem ser detectadas? Aqui nós falamos sobre os tipos de drogas, seus efeitos imediatos e a duração delas no organismo. Lembre-se que o consumo de drogas ilícitas ou não pode ser muito prejudicial a sua saúde.

O que se caracteriza como droga?

No sentido original da palavra, o termo pode abranger muitas substâncias. Já na medicina, se refere a substâncias, que podem curar ou prevenir doenças ou até melhorar o bem-estar mental ou físico.

Para a farmacologia, se refere a qualquer agente químico que altera processos fisiológicos e biológicos de organismos e tecidos.

Porém, no sentido corrente e contexto legal, o termo se refere a substâncias psicoativas, ou seja, que agem no sistema nervoso central, alterando as funções cerebrais de forma temporária, mudando o humor, percepção, consciência e comportamento.

Existem as drogas lícitas e ilícitas, podendo ser naturais ou sintéticas.

Drogas lícitas:

As drogas lícitas são aquelas que podem ser produzidas, consumidas e comercializadas sem que haja problema nenhum, mesmo que possam trazer prejuízos, são aceitas por lei e pela sociedade.

Como exemplo de drogas lícitas, podemos citar o álcool e a nicotina.

Drogas ilícitas:

As drogas ilícitas são o contrário das drogas lícitas, sendo proibidos de consumir, comercializar e produzir.

Elas podem ser depressivas, perturbadoras e estimulantes do sistema nervoso central, trazendo diversos problemas para os consumidores.

Tipos de drogas

Drogas depressoras do sistema nervoso central

As depressoras são aquelas que depreciam o sistema nervoso central, ou seja, diminuem a atividade do cérebro, fazendo com que quem a consumiu se sinta fora da realidade. 

Isso porque reduzem a atenção, capacidade intelectual, concentração, memória e atenção.

Essas substâncias podem causar embriaguez, sonolência e até coma. Algumas substâncias depressoras do SNC são os barbitúricos (soníferos), sedativos (calmantes), álcool, morfina, ópio, solventes (tintas, removedores e colas), ansiolíticos e até gotas e xaropes para tosse.

Efeitos imediatos

Sensação intensa de relaxamento, tranquilidade e calma;

Diminuição dos reflexos;

Alta resistência a dor;

Baixo raciocínio;

Baixa concentração;

Alta sonolência e;

Dificuldade de fazer tarefas comuns, como dirigir.

Drogas perturbadoras/ alucinógenas do sistema nervoso central

As drogas perturbadoras são substâncias que afetam o funcionamento cerebral, distorcendo suas atividades, causando perturbações em relação ao tempo e espaço e diversos efeitos psíquicos como alucinações, delírios e demais fenômenos anormais. Elas podem ser de origem natural ou sintética.

Dentre os exemplos das drogas alucinógenas ou perturbadoras estão o ecstasy, THC (maconha), LSD e mescalina.

Efeitos imediatos

Prazer ou medo intenso;

Noção de grandiosidade exagerada;

Delírios de perseguição e;

Distorção visual relacionada a contornos, formas e cores.

Drogas estimulantes do sistema nervoso central

As drogas estimulantes são aquelas que aumentam a atividade do cérebro, deixando o indivíduo mais elétrico ou ligado.

Elas cooperam ou imitam neurotransmissores estimulantes existentes em nossos organismos, assim, deixando o indivíduo em alerta, resistente e com disposição, mas que depois pode dar cansaço, depressão e indisposição por causa da sobrecarga que aconteceu no organismo.

Algumas das drogas estimulantes são a cocaína, nicotina, anfetamina, crack, merla e cafeína.

Efeitos imediatos

Sensação de euforia intensa;

Sensação de poder;

Energia em excesso;

Fala mais rápida que o normal;

Aumento da frequência e pressão cardíaca;

Falta de noção da realidade;

Falta de sono e;

Perda de apetite.

Duração das drogas mais comuns no organismo

Apesar dos efeitos imediatos durarem cerca de minutos e até segundos elas podem permanecer um período razoável no organismo. 

Por isso, é tão comum que pessoas fiquem viciadas e busquem mais e mais para sentir a sensação prazerosa por mais vezes em curtos períodos de tempo.

Para que o organismo consiga se livrar das substâncias ele passa por todo um processo de limpeza que acontece por meio da eliminação através do suor, urina e fezes.

Esse processo depende também de que as moléculas sejam solúveis em água e metabolizadas, por isso a demora.

Então, acontece o processo normal do nosso organismo.

Elas passam pelo fígado e depois de diluídas, voltam para a corrente sanguínea e depois para os rins que têm a função de filtrar o sangue, ou seja, limpá-lo e jogar fora tudo o que o corpo não precisa.

Como esse processo leva tempo e como os rins eliminam as drogas por um certo período, a droga pode ser detectada mesmo depois de um bom tempo.

Testes toxicológicos

Para descobrir se há vestígios de drogas no organismo existem 3 testes mais comuns.

Sangue

O exame toxicológico pode ser feito por meio de exame de sangue porque, como falamos anteriormente, a substância fica na corrente sanguínea ao sair do fígado até ser filtrada pelos rins e expelida pela da urina.

Urina

O exame de sangue detecta a substância enquanto percorre o organismo, já o de urina detecta o uso da droga enquanto está sendo eliminada pelo corpo.

Por causa dessas características, os exames de urina e de sangue geralmente são capazes apenas de detectar o uso recente da droga.

Cabelo

Os bulbos dos fios de cabelo são irrigados por meio da corrente sanguínea e por isso incorporam as substâncias que podem estar presentes na corrente circulatória.

O mais impressionante é que dá para analisar o perfil de consumo com o fio de cabelo, que em média cresce 1 centímetro por mês, com 12 cm de cabelo, dá para saber esse perfil de consumo pelo período de um ano.

Drogas e o tempo de eliminação pelo corpo

Maconha

Pode ser encontrada no organismo até 30 dias pelo exame de urina, 90 dias pelo de cabelo e 2 semanas pelo de sangue.

Cocaína

Pode ser encontrada no organismo até 4 dias pelo exame de urina, 90 dias pelo de cabelo e dois dias pelo de sangue.

Heroína

Pode ser encontrada no organismo até 4 dias pelo exame de urina, 90 dias pelo de cabelo e 12 horas pelo exame de sangue.

MDMA

Pode ser encontrada no organismo até 4 dias pelo exame de urina, 90 dias pelo de cabelo e dois dias pelo exame de sangue.

LSD

Pode ser encontrada no organismo até 3 dias pelo exame de urina, 3 dias pelo cabelo e menos de cinco horas pelo exame de sangue.

Metanfetamina

Pode ser encontrada no organismo até 6 dias pelo exame de urina, 90 dias pelo de cabelo e três dias pelo exame de sangue.

Álcool

O exame toxicológico de cabelo não detecta a substância, apenas se for solicitado especificamente para ele. Em relação ao sangue, dependendo da quantidade ingerida, pode ser eliminado em torno de 10h.

Já no exame de urina, pode ser detectado até cinco dias após o uso.

O consumo de drogas é extremamente prejudicial à saúde, podendo causar diversos prejuízos sociais, físicos e psicológicos. Se você ou um familiar seu tem problemas com drogas, conte com a Casa Despertar. Entre em contato conosco

Compartilhe esse post

Relacionados

Deixe seu cometário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comece agora a mudança na sua vida

entre em contato com nossa equipe
WhatsApp chat